segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Ore pela Igreja na Nigéria

Cristãos nigerianos clamam pelo fim dos sofrimentos infligidos pelo grupo radical Boko Haram. A cidade de Damaturu, no estado de Yobe, foi tomada pelo grupo, na madrugada de hoje. Ainda não se sabe os detalhes e quantas pessoas foram mortas ou feridas no ataque
01_Nigeria_0040004765
Testemunhas disseram à BBC que acordaram nesta manhã com sons de explosões e puderam ver um grande número de militantes vestidos com uniformes de combate andando pela cidade. A situação em Damaturu tem sido descrita como caótica. Acredita-se que os militantes do grupo radical armado também tenham incendiado uma base da polícia local.
Segundo a testemunha, o também cristão Elias Ibrahim, "os terroristas chegaram por volta das 20h e começaram a atirar em tudo o que viam. Os tiros eram ensurdecedores e quando percebi que o som era bem próximo de minha casa, eu corri para o mato com minhas filhas mais velhas.”. Ele teve que deixar sua esposa e filhos menores e só conseguiu voltar para casa pela manhã, sem saber, ainda, o que ocorrera com eles. “Eu passei a noite no mato com minhas duas filhas e só agora vou voltar para casa, meu coração está dilacerado nesta manhã”, lamenta.
Um ataque entre muitos
O ataque segue outro similar que ocorreu numa vila cristã Shani, no estado de Borno, no sábado (29), em que dezenas de pessoas foram mortas. Membros do Boko Haram invadiram a cidade situada cerca de 260 km ao sul da capital do estado, Maiduguri. e atearam fogo nas casas, obrigando moradores a saírem.
O ataque a Shani aconteceu um dia depois de 100 pessoas terem sido mortas e 135 feridas em uma explosão de bomba na igreja central em Kano. Testemunhas disseram à Reuters que pistoleiros lançaram três bombas e abriram fogo contra cristãos. A igreja fica ao lado do palácio do emir de Kano, que é a segunda mais alta autoridade islâmica na Nigéria. O ataque tinha as marcas de militantes islâmicos do Boko Haram, mas o grupo ainda não assumiu a responsabilidade.
Enquanto a batalha no nordeste da Nigéria continua, ore para que o Senhor conceda graça, coragem e conforto para seus filhos e que o governo tenha condições de agir e pôr fim ao sofrimento dos cristãos nigerianos.
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoJunia Vasconcellos

Nenhum comentário: