quarta-feira, 20 de maio de 2015

Cristã secreta enfrenta pressão das autoridades no Turcomenistão

20 mai 2015TURCOMENISTÃO

No Turcomenistão, um dos países mais restritos do mundo, o governo se opõe a cada grupo que não consegue controlar e opõe-se, sobretudo, à religião. A polícia e o serviço secreto mantêm a Igreja sob forte vigilância, como aconteceu recentemente com Khadisha Apa*, membro de uma igreja secreta do Turcomenistão que foi pressionada pelas autoridades a fornecer informações sobre outros cristãos secretos no país
20_Turcomenistao_ 0250001889
Khadisha Apa é professora de ensino médio em uma escola pública em um vilarejo no Turcomenistão e membro de uma igreja local secreta.

Recentemente, representantes do Serviço de Segurança Nacional começaram a se aproximar de Khadish Apa pedindo-lhe para fornecer informações dos cristãos que ela conhece no país. Eles também mencionaram que sabem sobre o seu envolvimento na igreja local. Khadisha Apa se recusou a dizer qualquer coisa a eles, alegando que não tinha esta informação.

Provavelmente ela será pressionada pelos oficiais do Serviço de Segurança Nacional novamente. Por isso, esteja em oração para que Deus proteja sua vida e os outros cristãos secretos e que permaneçam firmes e confiantes do cuidado de Deus em suas vidas.
*Nome alterado por motivos de segurança.
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoVivian Coutinho

Nenhum comentário: