segunda-feira, 15 de junho de 2015

Nova acusação de blasfêmia no Paquistão

15 jun 2015PAQUISTÃO

A principal fonte de perseguição no Paquistão, 8º país da Classificação da Perseguição Religiosa 2015, é a lei de blasfêmia
15_Pakistan_0040002272
No fim de maio, igrejas e casas onde cristãos viviam foram vandalizadas e saqueadas em um bairro em Lahore, após rumores de que um jovem cristão havia queimado um Alcorão.
Daniel, analista de perseguição da Portas Abertas, disse: "Notícias alegando supostas profanações do Alcorão e ataques contra as comunidades cristãs do Paquistão têm crescido. Embora ainda não seja claro o que aconteceu, duas coisas devem ser observadas: o jovem acusado tem histórico médico de ser mentalmente instável e viciado em drogas; o outro ponto é que a polícia, deslocada em grande número, conseguiu, com a ajuda de guardas florestais, acalmar a situação. Isso não significa que os cristãos não tiveram que abandonar suas casas, mas a polícia pelo menos tentou controlar o incidente, algo que nem sempre acontece, por se tratarem de cristãos. Pode ser um sinal de que a segurança do país está assumindo a responsabilidade de proteger os cristãos, que também são cidadãos daquela nação."
FontePortas Abertas Internacional
TraduçãoLetícia Epifanio

Nenhum comentário: